Justiça ordena que ex-diretor de campanha de Trump volte à prisão

A Justiça dos EUA ordenou a prisão de Paul Manafort, ex-diretor de campanha de Donald Trump, que responde a acusações de lavagem de dinheiro e fraude tributária.

Manafort já cumpria prisão domiciliar desde outubro de 2017, mas teve a medida revogada por supostamente tentar influenciar testemunhas do processo.

Sob investigação do FBI por suas ligações com russos, o lobista é acusado de receber, ao longo de dez anos, remessas ilegais de US$ 30 milhões do ex-presidente da Ucrânia Viktor Yanukovitch, ligado à Rússia e deposto em 2014.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Cirval disse:

    Gente desse tipo ou pior é tratada com carinho pelo STF, nas mãos do Gil, o libertário, mistura de libertador e sicário.

Ler comentários
  1. PT disse:

    Petista e petismo é um estado brega de vida e de ser! Blogs petistas falam que não..rsrs Blog não é jornalismo, certo? A imprensa e o jornal têm inclusive bons textos científicos. Tem gente aqui em «O Antagonista» que “acha” — achismo — que imprensa, mídia, jornalismo, jornalista só falam de polític

  2. Trump, the best disse:

    Faltou falar que o crime do qual é acusado nada tem a ver com o Presidente Trump e sua campanha embora a MSM faça o possível para dar essa impressão.

  3. Claudio jr disse:

    Trump está deixando a imprensa desesperada.

  4. Guilherme Padilha disse:

    Lá, é cana dura; e não tem Jilmah na sexta.

  5. maria disse:

    Nós USA não tem nenhum GUILMAR MENDÉZ?

  6. Lucas disse:

    Foi a Russia que conspirou contra a Hillary. E o Facebook. Kkkkkkkkkk!!! Democratas ainda estão com a bunda bem dolorida!

  7. ANTONIO HENRIQUES CARDOSO disse:

    Manafort, o boi de piranha para tentar colar em Trump o rótulo do apoio russo. Tentem novamente.

  8. Asteroide Silvério disse:

    Vocês são repórteres ou fofoqueiros? Vão servir ao Soros?

  9. Gildo disse:

    Manafort não era chefe da campanha de Trump, e sim um consultor que se engajou na campanha quase na reta final em 2016! Outro porém não menos importante, as acusações contra Manafort nada tem haver com a campanha, e sim de questões da vida particular dele, o resto é blá blá bla a da mídia comuna!

  10. Flávia disse:

    Os yankes que cuidem dos seus corruptos. Os daqui já dão muito trabalho. Ou melhor, tiram.