Leia a íntegra da declaração de Trump sobre a Venezuela

Donald Trump divulgou uma declaração sobre seu reconhecimento do oposicionista Juan Guaidó como legítimo presidente interino da Venezuela.

Leia a íntegra, em tradução feita por O Antagonista:

“Hoje estou reconhecendo oficialmente o presidente da Assembleia Nacional venezuelana, Juan Guaidó, como presidente interino da Venezuela.

Em seu papel de único órgão de governo legitimamente eleito pelo povo venezuelano, a Assembleia Nacional invocou a Constituição do país para declarar a ilegitimidade de Nicolás Maduro e, consequentemente, a vacância do cargo de presidente.

O povo da Venezuela manifestou-se corajosamente contra Maduro e seu regime, exigindo liberdade e Estado de Direito.

Continuarei a usar todo o peso do poder econômico e diplomático dos Estados Unidos para pressionar pela restauração da democracia venezuelana.

Encorajamos outros governos do Hemisfério Ocidental a reconhecer o presidente da Assembleia Nacional, Guaidó, como o presidente interino da Venezuela e trabalharemos construtivamente com eles em apoio aos seus esforços para restaurar a legitimidade constitucional.

Continuaremos a responsabilizar diretamente o regime ilegítimo de Maduro por quaisquer ameaças que possa representar à segurança do povo venezuelano.

Como o presidente interino Guaidó observou ontem: ‘Violência é a arma do usurpador. Só temos uma ação clara: permanecer unidos e firmes por uma Venezuela democrática e livre'”.

Comentários

  • Presidente-XVII -

    Jair Bolsonaro influenciou essa tomada de decisão de nações ao redor do mundo.

  • Presidente-XVII -

    Jair Bolsonaro influenciou essa tomada de decisão de nações ao redor do mundo.

  • REVOLTADO -

    Que venham logo outros "reconhecimentos"! Brasil à frente!

Ler 31 comentários