Macron apresenta projeto para combater o terrorismo islâmico

Macron apresenta projeto para combater o terrorismo islâmico
Foto: Reprodução/ Twitter

Emmanuel Macron conseguiu a aprovação de seu gabinete para seguir adiante com um projeto de lei para “fortalecer os valores republicanos”. O texto, de 50 artigos, foi apresentado na manhã desta quarta (9) pelo primeiro-ministro da França, Jean Castex.

Sem citar explicitamente o islamismo, o texto é uma resposta aos ataques terroristas protagonizados por muçulmanos nas últimas semanas.

Entre outros pontos, ele obriga a matricular crianças com mais de 3 anos em escolas –para evitar a radicalização em escolas clandestinas–, procura punir o discurso de ódio na internet e impedir que mesquitas recebam financiamento do exterior.

LEIA AQUI a reportagem de Duda Teixeira na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Leia mais: O PT elogiou uma farsa: as eleição legislativa na Venezuela do ditador Nicolás Maduro.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 15 comentários
TOPO