Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mais duas empresas de energia deixam a Venezuela

As últimas a sair do país foram a francesa Total e a norueguesa Equinor
Mais duas empresas de energia deixam a Venezuela
Foto: Nicolás Maduro/Twitter

Com a Venezuela em ruínas, empresas estrangeiras de energia estão se livrando dos negócios que mantinham no país, diz a Crusoé.

As últimas a sair foram a francesa Total e a norueguesa Equinor, que venderam suas participações no projeto Petrocedeño para a estatal petrolífera PDVSA.

No final do ano passado, a russa Rosneft anunciou a interrupção de suas operações e a venda de seus ativos. 

Leia aqui a íntegra.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO