Manifestantes pedem que G20 discuta situação em Hong Kong

Apesar das pressões da China para que a turbulência política em Hong Kong não seja assunto em debate no encontro do G20, a partir de sexta-feira, em Osaka (Japão), cerca de mil manifestantes protestaram hoje em frente a diversos consulados estrangeiros pedindo que os líderes mundiais “libertem” o território.

Eles seguravam cartazes e faixas com os dizeres “por favor, libertem Hong Kong” em diferentes idiomas. Entre os consulados para os quais os manifestantes se dirigiram, estão os de Argentina, Austrália, Canadá, Itália, Japão, África do Sul, Coréia do Sul, Rússia, Turquia, Estados Unidos e Inglaterra, além do Escritório da União Europeia em Hong Kong.

Nas últimas semanas, milhões de manifestantes foram às ruas em Hong Kong contra um projeto de lei que permitia a extradição à China, para julgamento, de dissidentes e críticos do regime.

A chefe do governo local, Carrie Lam, anunciou o arquivamento do projeto e pediu desculpas à população, mas descartou a possibilidade de renunciar ao cargo.

O teste de resistência de Bolsonaro chegou antes do que se imaginava. SAIBA TUDO

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Lolo disse:

    Ym9hLCB2YW1vcyBhY2FiYXIgY29tIGVzc2Egb3ByZXNz428gY29tdW5pc3RhLi4uLg==

Ler comentários
  1. Armando disse:

    UXVlIGVzc2FzIG1hbmlmZXN0Yef1ZXMgZGUgSG9uZyBLb25nIHNpcnZhbSBkZSBleGVtcGxvIHBybyBCcmFzaWwuICBDSEVHQSwgZXNzZXMgcG9s7XRpY29zIG7jbyBwb2RlbSBjb250aW51YXIgYSAic2FjYW5lYXIibyBwb3ZvIGJyYXNpbGVpcm8gZGVzc2UgamVpdG8uICBO01MgySBRVUUgUEFHQU1PUyBBIENPTlRBICEhIQ==

  2. Bolsonarista disse:

    Q2hlZ291IGEgaG9yYSBkZSBKYWlyIEJvbHNvbmFybyBhc3N1bWlyIG8gcGFwZWwgZGUgTO1kZXIgTXVuZGlhbCBlIGxpYmVydGFyIEhvbmcgS29uZyBkb3MgY29tdW5pc3RhcyBjaGluZXNlcy4=