ACESSE

Menos médicos na Venezuela

Telegram

20 mil médicos e 5 mil enfermeiros já abandonaram a Venezuela.

Os números são da ONU.

O diretor-geral da OMS acrescentou, segundo o Estadão:

“Estimamos que o setor de saúde está operando com uma capacidade de 80%”.

E ainda há quem se preocupe com a saída dos médicos cubanos do Brasil.

O "velho Brasil" contra-ataca a Lava Jato e Sergio Moro. Entenda AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 46 comentários