ACESSE

A mentira bolivariana no fundo do poço

Telegram

Corrupção, fuga de cérebros, estrutura sucateada e gestão caótica levaram a que a PDVSA, a estatal petrolífera da Venezuela, produzisse menos 150 mil barris de petróleo por dia em dezembro, noticiam sites americanos especializados no mercado de energia.

A desculpa de que a falência da Venezuela bolivariana se deve aos baixos preços do petróleo no mercado internacional é só mais uma mentira.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 27 comentários