ACESSE

Mugabe não larga o osso

Telegram

Robert Mugabe, ditador do Zimbábue há 37 anos, fez neste domingo um longo discurso na TV estatal ZBC, mas, contrariando as expectativas, não renunciou.

O parceirão de Lula havia recebido um ultimato do seu partido, o ZANU-PF: caso não deixasse a presidência até o meio-dia de segunda-feira, um processo de impeachment seria iniciado.

O partido afastou Mugabe da liderança e expulsou sua mulher, Grace, que pretendia sucedê-lo na presidência.

A crise se agravou no país no início da semana, quando militares informaram ter começado uma operação contra “criminosos” próximos ao ditador, tomando as ruas e assumindo o poder.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 12 comentários