ACESSE

Novo coronavírus: o primeiro caso de cão infectado foi registrado em Hong Kong

Telegram

A OMS confirmou que foi registrado em Hong Kong o primeiro caso de cão infectado com o novo coronavírus. Trata-se de um animal da raça spitz (lulu da Pomerânia, como ilustra a foto).

O cão pertence a uma mulher de 60 anos, que foi contaminada e desenvolveu os sintomas da Covid-19 em 12 de fevereiro.

O animal não apresenta sinais da doença e foi confinado pelas autoridades numa estrutura portuária de Hong Kong. Será devolvido à dona depois de os exames resultarem negativados para o novo coronavírus.

“Estamos trabalhando com os especialistas de Hong Kong para entender os resultados e achar uma forma de cuidar dos animais que forem infectados”, comunicou a OMS.

A organização também informou hoje que oficialmente há 85.403 pessoas contaminadas no mundo, em 53 países.

Leia também: Bolsonaro, o presidente refém.

Comentários

  • Gustavo -

  • Marcelo -

    Como outro dia os antas diziam: só um delírio coletivo...

  • Terry -

    Afinal, o cão está infectado ou não? Que notícia dúbia!

Ler 12 comentários