O começo da tempestade

“Os soldados do Califado tem como alvo a capital da abominação e do perversão”, diz o comunicado do ISIS.

O comunicado diz também que “os oito irmãos” que praticaram massacres em Paris foram recrutados especificamente para golpear “o Stade de France, durante a partida contra a Alemanha, assistida por aquele imbecil François Hollande”, e o Bataclan, “onde centenas de idólatras estavam juntos em uma festa pervertida”.

O ISIS acusa a França de “insultar nosso Profeta” e de atacar “o Califado com seus aviões, que não serviram para nada nas ruas fedorentas de Paris”.

O comunicado termina dizendo que “este ataque é apenas o começo de uma tempestade”.

Faça o primeiro comentário