O que significa a “continuidade da Revolução Cubana”

No seu discurso de posse, o novo presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, disse o seguinte:

“O mandato dado pelo povo a esta legislatura é dar continuidade à Revolução Cubana em um momento histórico crucial, que estará marcado por tudo o que devemos avançar na atualização do modelo econômico.”

A “continuidade da Revolução Cubana” é a resistência.

Resistência à democracia, resistência aos direitos humanos, resistência à modernidade e resistência à racionalidade.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. A continuidade da revolução cubana significa:
    – Mais miséria para o povo;
    – Continuidade em ser um peão russo de uma revolução que se exauriu e nem tem mais objetivos;
    – Novas tentativas de influenciar governos fracos na América Latina, que possam organizar e enviar novas esmolas para o regime cubano.

Ler mais 45 comentários
  1. A continuidade da revolução cubana significa:
    – Mais miséria para o povo;
    – Continuidade em ser um peão russo de uma revolução que se exauriu e nem tem mais objetivos;
    – Novas tentativas de influenciar governos fracos na América Latina, que possam organizar e enviar novas esmolas para o regime cubano.

  2. O ‘modus operandi’ do “socialismo” cubano em nada difere do norte-coreano ou mesmo dos países da antiga ‘Cortina de Ferro’: conseguir retaguarda militar por meio de concessão de privilégios aos integrantes de alta patente das forças armadas, inclusive privilégios para a exploração comercial (mais um contrassenso do socialismo). O fiel da balança desses regimes são as forças armadas.
    PS.: no ‘bolivarianismo’ venezuelano é a mesma joça, funciona do mesmo jeito.

  3. Os dirigentes da ditadura cubana fazem tudo para preservar a pobreza,
    melhorar a vida das pessoas e o salário dos funcionários públicos só
    com iniciativa privada, livre comercio, democracia…é necessário acabar com
    a exploração do homem pelos homens poderosos do regime cubano.

  4. Tirando a ideologia de lado,pois são caninamente convictos,pra mim o que aconteceu com esses paises comunistas ,pura e simplesmente;é que foram congelados em um nivel minimo de consumo e de tudo o mais,sendo preservados para exploração capitalista futura ,com mão de obra ,recursos e mercado baratos e inexplorados.Todos tiveram esse padrão.Cuba corre o risco de não chegar no estágio posterior.

  5. Qual importancia econômica, social ou científica de paizinho insignificante. A imprensa doutrinada atribui um importância a essa troca de ditafor. Isso é irrelevante para o Brasil. Mas a repercussão nas mídias mostra o quão nossos jornalistas são admiradores dessa estrovenga de regime.

  6. “C0ONTINUIDADE DA REVOLUÇÃO” SIGNIFICA QUE CONTINUARÃO CAÇANDO ALGUM PAÍS COM O POVO TROUXA PARA MANTÊ-LOS, COMO POR EXEMPLO, COM PROGRAMAS COMO O MAIS MÉDICOS. ASSIM QUE BOLSONARO GANHAR, TERÃO QUE ARRUMAR OUTRA TETA EM OUTRA FREGUESIA!

  7. Significa que Cuba seguirá ladeira abaixo. Esse novo esbirro do castrismo pode piorar as coisas ainda mais, jogando fora a iniciativa de reaproximação com os EUA ensaiada por Raul Castro.

    1. Aproximação do Raul só se for com o Obama, não com os EUA, certo? Afinal, para os esquerdistas americanos, o regime cubano é ótimo (mas é claro, eles só não querem mudar pra lá).

  8. ESTES DITADORES SO EXISTEM POR CAUSA DA RÚSSIA DE PUTIN E DA CHINA DO XI GIM PING. ESTES SIM SÃO OS TIRANOS QUE ESTÃO PREPARANDO O REINADO DO ANTICRISTO.

  9. O G1 da Globo deu meia página de destaque à continuidade da “revolução”.
    Jornalista é uma raça de débeis mentais(99%), sofrem da Síndrome de Estocolmo, sãomasoquistas, adoram apanhar.

  10. Tudo isso por que o ocidente civilizado alcançou o mais poderoso estágio tecnológico e militar jamais sonhado pela espécie humana, no entanto nesse exato momento temos pessoas interessadas em submeter a humanidade a tirania e uma geração feita de lixo e m** que só pensa nos direitos das “minorias” e das outras civilizações.
    Chegará o tempo de esmagar os “defensores” das tais minorias e dar as civilizações inimigas o tratamento devido, nesse dia o regime comunista da ilhazinha de m** será aniquilado, seus membros esquartejados e pendurados nos postes.

  11. A revolução é um estado permanente que gera misérias (material e espiritual) crescentes onde quer que seja implantada. Quem continua acreditando no discurso revolucionário é ignorante, masoquista ou parte interessada.

  12. Cuba permanecerá do jeito que está para servir de vitrine do comunismo como simbolo da resistência ao capitalismo e aos Yankes. Comunistas do mundo todo idolatram e doam milhões de dólares para os dirigentes comprarem papel higiênico. O povo, passa o dedo.

  13. É também a manutenção de seus paus-mandados nos governos da América Latina, para continuar saqueando os países em que se instalaram, barbarizando seus povos e destruindo suas democracias.

  14. Se quiser entender bem o que significam as palavras para um comunista, assista e/ou leia o “1.984” de George Orwell. Especialmente sobre a “novilíngua”. A subversão da linguagem é uma das táticas comunistas de tomada e manutenção do poder.

    1. Exatamente. Guerra é paz, liberdade é escravidão, ignorância é força, e revolução é viver estagnado em um regime miserável que já dura 60 anos.