Opositores libertados na Venezuela

O governo de Nicolás Maduro libertou o ex-candidato a presidente Manuel Rosales, acusado de enriquecimento ilícito, e cinco líderes estudantis presos em 2014 por protestar contra o governo.

Grupos de direitos humanos dizem que ainda há ao menos 100 presos políticos no país, informa o Estadão.

Faça o primeiro comentário