Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Papa deseja vacina para todos: "Não podemos erguer muros"

Papa deseja vacina para todos: “Não podemos erguer muros”
Foto: Reprodução/Youtube/Vatican News

Neste Natal em meio à pandemia da Covid-19, o papa Francisco concedeu a tradicional bênção Urbi et Orbi na Sala das Bênçãos, e não da sacada central da Basílica de São Pedro.

O pontífice disse que “precisamos mais do que nunca da fraternidade” e renovou um apelo para que os países garantam a vacina a todos.

“No Natal, celebramos a luz de Cristo que vem hoje ao mundo e Ele vem para todos: não só para alguns. Hoje, neste tempo de escuridão e incertezas pela pandemia, aparecem várias luzes de esperança, como a descoberta das vacinas.”

Francisco emendou:

“Mas para que essas luzes possam iluminar e levar esperança ao mundo inteiro, elas devem estar à disposição de todos. Não podemos deixar que os nacionalismos fechados nos impeçam de viver como a verdadeira família humana que somos. Não podemos também deixar que o vírus do individualismo radical nos vença e nos torne indiferentes aos sofrimentos de outros irmãos e irmãs.”

E mais:

“Que o filho de Deus renove nos dirigentes políticos e governamentais um espírito de cooperação internacional, a começar pela saúde, para que todos tenham acesso a vacinas e tratamento. Diante de um desafio que não conhece fronteiras, não podemos erguer muros. Todos nós estamos no mesmo barco.”

Durante a mensagem, o papa também lembrou das “mulheres que nestes meses de confinamento sofreram violências domésticas”.

Ele disse, ainda, que este Natal é “ocasião propícia para redescobrirem a família como berço de vida e de fé”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO