Para abrir mercado, futuro chanceler vai impor metas a embaixadores

Telegram

Ernesto Araújo quer transformar as embaixadas brasileiras mundo afora em entrepostos comerciais.

Para estimular a abertura do mercado internacional, o futuro chanceler vai impor até metas de produtividade aos embaixadores.

Quem não apresentar resultado será substituído. A ideia conta com o apoio de Paulo Guedes. Os dois também querem turbinar a Apex (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos).

 

Comentários

  • Fernando -

    Isso sim é pensar no Brasil. Fazer acordos para injeção de capital no Brasil via embaixadas. Excelente idéia.

  • José -

    Quanto a APEX fecha logo no primeiro dia de governo o escritório em Cuba e faz uma auditoria sobre os anos em que funcionou lá.

  • Mauro -

    Gostei !

Ler 153 comentários