Para além de Bolton

Telegram

Reportagem de Duda Teixeira na Crusoé mostra que a demissão do conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton, pode até ajudar o Brasil a estreitar laços com Washington e avançar nas negociações com os Estados Unidos.

O papel de Bolton nas relações bilaterais sempre foi relativo e sua atuação não era central nos temas de interesse nacional. “Não era ele quem tomava as decisões em relação ao Brasil. Bolton foi muito mais atuante na crise da Venezuela, assunto no qual ele acabou discordando dos brasileiros”, diz à Crusoé o embaixador Rubens Barbosa.

Leia a íntegra da reportagem:

Ana Paula Henkel e as narrativas do Partido Democrata: 'Só faltou combinar com os russos'. LEIA AQUI

Para além de Bolton

Comentários

  • Bira -

    Para o avanço dessas negociações com os Estados Unidos é necessário um embaixador com o perfil, a magnitude e o carisma de um Eduardo Bolsonaro.

  • CLECIO -

    o mundo já está excluindo os amigos de bolsonaro: bolton. o italiano fascista, macri, may, boris.. só falta nossa parte. e que seja logo! antes que a destruição economica de jair seja irreversí

  • Rômulo -

    🇧🇷 No USA como no Brasil a vontade do presidente é relativa e dependente da aprovação dos respectivos congressos.

Ler 8 comentários