Partidos chilenos perderam representatividade, diz cientista político

Telegram

Em entrevista à Crusoé, o cientista político Claudio Fuentes, da Universidade Diego Portales, do Chile, diz que os partidos da esquerda chilena não estão na origem das manifestações, que surgiram de maneira espontânea nas redes sociais entre grupos difusos de anarquistas, comunistas e estudantes.

“No Chile, os partidos perderam representatividade. Não têm uma boa ligação com a base dos cidadãos”, afirma.

Ao apoiar os protestos, os partidos de esquerda apenas estão tentando tirar algum proveito da situação.

CENSURADA E HACKEADA. POR QUE ESTA JOVEM REVISTA INCOMODA TANTO? SAIBA MAIS AQUI

Leia:

Esquerda chilena apoia protestos e pede nova Constituição

Comentários

  • Wagner -

    Surgiu "expontaneamente" de grupos "difusos", como "anarquistas, comunistas e estudantes", vão t. n. c. Antas, põe receita de bolo aqui, fica menos feio c.!

  • Wagner -

    Escreveu um "especialista" de esquerda... rs rs rs. Vão todos tom. n. c., acham que nossos olhos são pinicos?

  • Giusti -

    Mentira. Já prenderam vários venezuelanos nessas "manifestações" no Chile. Tdo indica participação estrangeira. E não é só lá. Como sempre, os jovens são manipulados facilmente.

Ler 48 comentários