“As pessoas estão comendo uma espécie de salsicha para cachorro"

Telegram

“As pessoas estão comendo uma espécie de salsicha para cachorro.”

Foi o que disse Carlos Patiño, um dos diretores da ONG de defesa dos direitos humanos Provea, ao Estadão, sobre cidadãos venezuelanos.

“É uma mistura de partes não comestíveis do frango: ossos triturados, penas, pele e cartilagem. Médicos que consultamos afirmam que o consumo humano desse tipo de produto é altamente perigoso, porque o processamento não segue padrões de higiene.”

Segundo Patiño, a ração para galinhas também passou a ser consumida com frequência, em substituição ao arroz, por ser mais econômica e render mais. Ele disse ainda que é cada vez mais comum relatos de famílias que não conseguem mais comprar comida.

Em vez de fazer vaquinha virtual para ajudar os venezuelanos, o PT, apoiador do regime socialista, arrecada doações na internet para fazer baderna em Porto Alegre, no dia do julgamento de Lula.

Comentários

  • Marco -

    Me pergunto se nos bistrôs de Paris, nos restaurantes do Leblon, ou nas geladeiras de nossos "artistas, intelectuais & formadores de opinião" tem comida de cachorro ? Deveriam comer ração animal, já que pregam o comunismo e tentaram condenar nosso povo a miséria igual ou pior à da Venezuela.

  • andre -

    A esquerda, realmente, acaba com a desigualdade social: todos miseráveis. Exceto, claro, o roliço Maduro, os militares em prontidão contra o próprio povo e os sequazes da Assembleia Constituinte. Mas, sabe como é, os queridos líderes merecem uma porção extra, pois são a vanguarda do combate à desigualdade social...

  • Gilberto -

    Talvez um dia quando começarem a COMER as própria FEZES, esbocem uma REAÇÃO contra o GOVERNO. Afinal de contas cada POVO tem o GOVERNO que merece.

Ler 45 comentários