Pfizer testa dois remédios contra a Covid, diz porta-voz do laboratório na França

Pfizer testa dois remédios contra a Covid, diz porta-voz do laboratório na França
Foto: x3/Pixabay

Em entrevista ao jornal Le Parisien, o porta-voz da Pfizer na França, David Lepoittevin, revelou que estão em desenvolvimento dois remédios antivirais específicos para a Covid que tiveram bons resultados in vitro. Um dos remédios é via oral; o outro é para ser administrado por via intravenosa. Os testes com ambos estão em fase inicial.

“Os resultados encorajadores in vitro da forma oral levaram a que decidíssemos rapidamente um estudo clínico em adultos sãos, para avaliar a dose e a tolerância do remédio. Os primeiros resultados poderão sair brevemente. O (remédio) candidato por via intravenosa é também objeto de um estudo clínico com dez participantes contaminados pela Covid e hospitalizados”, disse Lepoittevin.

Ele também afirmou que “uma análise atualizada de nosso ensaio clínico da fase 3 na África do Sul mostra que a nossa vacina é 100% eficaz contra essa variante (sul-africana)”. Lepoittevin disse ainda que a Pfizer está testando nos Estados Unidos uma terceira dose de reforço da vacina (o imunizante requer atualmente a aplicação de duas doses), para fazer frente a variantes.

A vacina da Pfizer, desenvolvida em conjunto com a alemã BionTech, já se mostrou eficaz contra as variantes inglesa e brasileira do vírus da Covid. O Brasil encomendou — tardiamente — 100 milhões de doses à farmacêutica. As primeiras doses deverão ser entregues ao governo brasileiro em meados deste ano.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO