Poder das redes sociais pode ser reduzido com quebra de oligopólios

Poder das redes sociais pode ser reduzido com quebra de oligopólios
Foto: Official White House Photo by Shealah Craighead

Ao banir Donald Trump das redes sociais, gigantes da tecnologia como Twitter e Facebook foram acusadas de cercear a liberdade de expressão, mostra Duda Teixeira na Crusoé desta semana.

“Se há poucas dúvidas de que Trump representa uma ameaça e precisa ser contido, também é certo que o poder gigantesco das empresas de tecnologia em direcionar o debate público, cancelando algumas de suas vozes, pode ser um risco para a democracia”, escreve.

Há uma boa chance de que o Congresso dos EUA pressione pela implementação de leis antitruste contra as grandes redes sociais.

LEIA AQUI a reportagem completa na Crusoé desta semana.

Leia mais: Quem são os diretores da agência que darão o veredicto sobre as vacinas a serem aplicadas nos brasileiros
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO