Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Polícia dos EUA diz que brasileiro foi responsável por matar 3 americanas

Roberto Fernandes, morto num acidente aéreo em 2005, teve o corpo exumado para confirmação do DNA; caso foi solucionado duas décadas após assassinatos
Polícia dos EUA diz que brasileiro foi responsável por matar 3 americanas
Divulgação/Broward County Sheriff's Office

Uma investigação da Polícia do Condado de Broward, na Flórida, identificou um brasileiro chamado Roberto Fernandes como responsável pela morte de três americanas no início da década passada. Fernandes morreu num acidente aéreo em 2005 e seus restos mortais foram exumados para coleta de amostras de DNA.

As vítimas de Fernandes foram Kimberly Dietz-Livesey, de 35 anos; Sia Demas, de 21 anos, e Jessica Good, de 24 anos. A reabertura das investigações foi noticiada pela WPTV-TV de Palm Beach e reproduzida pela Fox News.

fernandes victims 628x353
Reprodução/Fox News
Fernandes espancou Dietz-Livesey até a morte no verão de 2000, colocou seu corpo em uma mala e a deixou à beira de uma estrada em Cooper City, Flórida, de acordo com o Sun-Sentinel no sul da Flórida.

Ele matou Demas semanas depois, também jogando o corpo dela em uma mala e deixando-a em uma estrada em Dania Beach, Flórida. Um ano depois, o corpo de Good foi encontrado flutuando na baía de Biscayne, em Miami, informou a WPTV.”

“Tivemos a sorte de que tanto nosso governo aqui quanto a parceria que tínhamos com o Brasil proporcionaram a esses homens e mulheres a oportunidade de investigar mais a fundo e chegar a um ponto em que exumaram o corpo para conectar as evidências de DNA confirmando que esse suspeito, Roberto Fernandes, era de fato o responsável pelo brutal assassinato de todas as três mulheres”, disse o xerife do Condado de Broward, Gregory Tony, em uma entrevista coletiva na terça-feira. “A justiça nunca expira.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO