Policial que prendeu filho de El Chapo é executado com 155 tiros

Telegram

O Daily Mail informa que um policial de elite que ajudou a prender Ovidio Guzman, um dos filhos do megatraficante Joaquín ‘El Chapo’ Guzmán, foi executado com 155 tiros.

Identificado apenas como Eduardo N, o agente foi surpreendido no estacionamento de um shopping center na cidade de Culiacán, no México. Ele tinha 32 anos.

Ovidio Guzman, de 28 anos, foi detido no dia 17 de outubro em uma operação que pretendia extraditá-lo para os Estados Unidos.

O NOVO 7 x 1 BRASILEIRO Leia aqui

No entanto, homens fortemente armados cercaram as forças de segurança e aterrorizaram a população da cidade até que o governo concordasse em soltar Guzman.

Eles puseram fogo em carros e ônibus e atiraram em policiais. Ao mesmo tempo, 56 presos se rebelaram e fugiram de uma cadeia da cidade. Oito pessoas morreram durante as ações.

Diantes do caos, o presidente Andrés Manuel López Obrador concordou com a soltura de Guzman, que é acusado de traficar drogas para os Estados Unidos.

 

Comentários

  • Almanakut -

    Esse é o futuro da Argentina, do Uruguai e do Chile, se ele quiser.

  • Alcindo -

    Meu Deus!!!

  • ANTONIO -

    Mais um efeito do lula livre

Ler 43 comentários