Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Por que Cristina Kirchner tem pressa para mudar o gabinete na Argentina

A vice-presidente tenta manobra para ter controle maior do orçamento e da política
Por que Cristina Kirchner tem pressa para mudar o gabinete na Argentina
Foto: Reprodução

Seis ministros do governo do presidente da Argentina, Alberto Fernández, além de secretários e diretores de agências e empresas estatais, colocaram seus cargos à disposição nesta quarta (15), diz a Crusoé. Todos são ligados à vice-presidente Cristina Kirchner.

“‘É uma estratégia de pressão. Nenhum deles de fato quer deixar o governo. Por isso, não renunciaram. O que Cristina pretende é forçar a queda do chefe de gabinete, Santiago Cafiero, e do ministro da Economia, Martín Guzmán‘, diz o cientista político argentino Patricio Giusto, da consultoria Diagnóstico Político, em Buenos Aires. […] Com isso, terá um controle maior do orçamento e da política para então colocar em prática medidas populistas. Seu principal objetivo é reverter o resultado das eleições primárias, realizadas no domingo, 13, em que o peronismo perdeu para a oposição de 32% para 41%.”

Leia mais aqui. 

Mais notícias
TOPO