Premiê japonês quer se encontrar com Kim Jong-un

O primeiro-ministro japonês Shinzo Abe disse hoje que pretende se encontrar com o ditador norte-coreano Kim Jong-un no fim de julho.

O Japão quer discutir os sequestros de japoneses por agentes norte-coreanos nos anos 1970 e 1980, para formar espiões.

Comentários

  • gilos -

    Tem muita gente tacando pedra no Trump! A pergunta que fica é a seguinte:- do jeito que governantes que deram mole anteriormente e deixaram o ditadorzinho crescer livre e solto, alguém conseguiria fazer algo melhor do que foi feito?

  • Cirval -

    Depois que Trump transformou um rapazinho insignificante e sanguinário em "estadista", todo mundo quer conversar com ele. Com Trump no comando, o mundo vai virar uma esbórnia. O mundo precisa de líder que una e não franco-atirador como ele, provocador da desunião de amigos e que dignifica tiranos.

  • antonio -

    Além de pedir a volta dos seus cidadãos sequestrados o premiê japonês quer saber o que o Trump ofereceu ao ditadorzinho, porque o cara nunca vai deixar de ser o que sempre foi, negociante.

Ler 14 comentários