Presidente da Pfizer: variantes vão determinar necessidade de vacinar todo ano contra Covid

Presidente da Pfizer: variantes vão determinar necessidade de vacinar todo ano contra Covid
Reprodução/NBC News/YouTube

O presidente da Pfizer, Albert Bourla, disse à emissora americana CNBC ser ‘provável’ a necessidade de receber uma dose de reforço da vacina contra a Covid doze meses depois da segunda dose.

A declaração foi gravada em 1º de abril, mas foi ao ar nesta quinta (15).

“Um cenário provável é que provavelmente será necessária uma terceira dose, entre seis e 12 meses, e a partir daí, haverá uma revacinação anual, mas tudo isso precisa ser confirmado. E de novo: as variantes terão papel-chave“, disse Bourla à jornalista Bertha Coombs.

“É extremamente importante suprimir o número de pessoas suscetíveis ao vírus”, acrescentou. Quanto mais pessoas infectadas, maior a chance de surgirem variantes.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
TOPO