Protesto de estudantes na França tem mais de 700 presos

Quase 280 escolas e algumas faculdades foram bloqueadas ou registraram tumulto na França hoje. Segundo a agência France Presse, mais de 700 estudantes de ensino médio foram presos.

Os estudantes, que protestavam contra o projeto de reforma na educação do governo Emmanuel Macron, queimaram lixeiras e carros e depredaram estruturas públicas em várias cidades do país. Houve confrontos com a polícia.

O Executivo francês disse temer uma “enorme violência” durante o novo ato dos “coletes amarelos”, marcado para este sábado (8) em Paris, apesar das concessões já feitas pelo presidente.

O inimigo número 1 de Sergio Moro. Leia AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 35 comentários
  1. Uma toupeira como esse Macron não merecia nada menos que esses protestos. Os franceses devem estar muito arrependidos por terem votado nessa nulidade. E vai piorar com o Brexit inglês!

  2. A coisa é simples. Desde 2012 (governo socialista), os franceses foram acostumados a mamar nas tetas estatais, e agora se insurgem contra um governo esquizofrênico de um burguês metido a socialista

  3. A coisa lá tá bem feia, e não se identificou ainda um espectro ideológico claro dos “coletes amarelos”,vai da extrema esquerda à extrema direita,com muitos se dizendo “apartidários”, confuso

    1. Leia a pauta de reivindicações (que vai muito além do imposto sobre o diesel) e verá que a velha esquerda retrógrada tomou conta do movimento.

  4. Quebrar e destruir o que é dos outro ou público é fácil, pois não saiu do suor do vândalo, esta geração de jovens querem apenas é ficar teclando, geração perdida, tudo veio muito fácil.

  5. Depois os franceses vem chamar Bolsonaro de autoritário. Imagina se prendem 700 estudantes do ensino médio aqui. Seria “ditadura fascista” na primeira página dos jornais, protesto da ONU…

  6. Por que sempre tem que haver depredações, queima de bens públicos e privados?Aprendam conosco que fomos aos milhões para as ruas pedir o impeachment de Dilma sem jogar um copo na rua.

    1. Pq sao esquerdistas,esses estudantes,so por isso,os mais radicais,,a pauta deles vai mais alem d q o imposto do combustivel.He guerra de comunas ali.

  7. He briga de comunista contra comunista.La na Franca ou a pessoa he comunista moderado ou comunista radical.Por isso tao afundando de novo.De Gaulle tinha razao,a Franca nao he um pais serio.

  8. A França virou uma zona geral, e o “Macron Jackson” ainda teve a cara de pau de querer determinar a pauta do Brasil em relação ao meio ambiente, tente arrumar a sua casa primeiro, palerma.

  9. E aí, quando o $$ acaba, as mazelas do socialismo vem a tona. Parabéns França, boa sorte no longo caminho que vcs terão pela frente pra se livrar desses esquerdistas. Estamos juntos nessa caminhad

  10. E ai França, sabe do que vcs precisam? Mais socialismo!! Como diria o 9ine, na França tem democracia demais kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk A história se repete over and over again – o dinheiro sempre acab