Raúl Castro vai liderar comissão constitucional em Cuba

Raúl Castro, chefe do Partido Comunista de Cuba, vai liderar a comissão que elaborará um projeto que busca modificar a Constituição do país, publica a Folha.

“Trabalharemos em aprovar uma norma constitucional que reflita a durabilidade de uma nação soberana, independente, socialista”, afirmou Miguel Díaz-Canel, sucessor do ex-ditador cubano.

“O Conselho de Estado propõe que seja ele [Raúl Castro] quem presida esta comissão”.

Díaz-Canel, que será vice-presidente da comissão, disse ainda que esse será um período de “especial transcendência para o país”.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 28 comentários
  1. Gente… Isso que é democracia, viu gente.
    Suuper democrático.
    Democrático demais!
    Participação popular completa!
    A população decidiu tudo sozinha, viu pessoal.
    .
    Meu professor de História que disse.

  2. Ou seja, vocês Cubanos, principalmente os herdeiros, claro, os que não foram fuzilados, daqueles que acharam bonitinho o socialismo, que trabalhou para os socialistas que juravam que NÃO ERAM comunistas, e que depois os apoiou na tomada do poder, continuarão f-u-d-i-d-o-s e experimentando a cereja maldita do comunismo, a escravização material e mental. Ahh, clamem pelo norte americanos queridos, aqueles que vocês não apoiaram quando na década de 60 tentaram os ajudar a porem os Castros no lugar deles, na cova.

  3. O bom mesmo é esta democracia e liberdade que temos no Brasil onde são eleitos e reeleitos eternamente ladrões da pior espécie que depois administram e legislam sempre contra o povo que trabalha

    1. Por pior que seja a Democracia do Brasil eu posso sair e voltar do país à hora que eu quiser, já em Cuba…

  4. _
    Por que OMITEM adjetivos como DITADOR, DITADURA e outras informaçãoes como PARTIDO ÚNICO, IMPRENSA ÚNICA, PROIBIÇÃO DE INICIATIVA PRIVADA etc… ???!?
    .
    Assim dá ares de um ‘pais’ comum, né?
    .
    Por isto que existe BBB, Fatima Bernardo, Manos e Minas, Metropolis etc… quem assiste quem assiste estas m. caem nesta cilada linguística
    _

  5. ou seja mudar para mais comunismo e mais desgraças para o povo cubano, que se fosse possível se mandava todo pro Estados Unidos.
    Foddamse todos os comunistas do planeta, especialmente os do Brasil.!
    Se comunismo fosse bom o mundo todo era comunista.
    Eles querem ficar no poder para sempre comendo do bom e do melhor e o povão escravizado que trabalhe muito para sustentá-los.
    O comunismo só se combate a ferro e fogo, muito fogo até não sobrar mais nenhum.
    Viva Bolsonaro 2018!

  6. “… uma norma constitucional que reflita a durabilidade de uma nação soberana, independente e socialista…”
    O regime comunista em Cuba persiste há quase 60 anos… quer maior durabilidade do que essa?
    A intenção do grupo do ditador Raul Castro, evidentemente, é fazer uma reforma constitucional visando um prazo maior, dobrar a meta do regime para os próximos 60 anos, talvez. Melhor não chorar nem tampouco rir com essa notícia… cabe mais um minuto de silêncio.

  7. Esse pessoal do PCC, Partido Comunista Cubano e os da Esquerda Escarlate Bolivariana Atrasada, falam uma coisa mas fazem outra. Talves eles saiam do Século XIX e consigam entrar no Século XX.

  8. Isso é patológico e ninguém quer aceitar. Tanto eles quanto os críticos. Tratam como normal, como políticos, pessoas que tutelam um país 60 anos sem direito ao contraditório. Numa sociedade equilibrada isso seria cárcere privado, sindrome de Estocolmo e por aí vai. Cansou.

  9. Vão acabar de amarrar o país de vez ao socialismo, mesmo após a morte do Raul. Esta gente é doente!

    Mas isso é perfeitamente reversível, não há mal que dure pra sempre, haja visto o que está ocorrendo no Brasil e outros países que lutam contra as amarras escravizantes socialistas, basta o povo querer.