Remdesivir não tem efeito em pacientes com Covid-19, diz estudo da OMS

Remdesivir não tem efeito em pacientes com Covid-19, diz estudo da OMS
Foto: fernandozhiminaicela/Pixabay

O tratamento de Covid-19 com o remédio remdesivir não tem efeitos substanciais nas chances de sobrevivência dos pacientes, descobriu um ensaio clínico conduzido pela OMS.

A reportagem é do Financial Times.

Os resultados do ensaio Solidariedade, que também já incluiu a cloroquina e a hidroxicloroquina entre as drogas testadas, constataram que nenhum dos tratamentos testados afetou substancialmente a mortalidade ou reduziu a necessidade de ventilação mecânica para os pacientes, segundo cópia do estudo obtida pelo jornal britânico.

O ensaio Solidariedade é conduzido no Brasil pela Fiocruz.

“Estes regimes com remdesivir, hidroxicloroquina, lopinavir e interferon parecem ter tido pouco efeito na mortalidade hospitalar”, diz o estudo.

O estudo ainda não foi revisado por pares, ou seja, avaliado por outros cientistas para publicação em revista científica.

O remdesivir recebeu aprovação parcial para uso nos EUA e na União Europeia depois de um ensaio clínico conduzido em abril pela agência americana National Institutes of Health.

Assista a este vídeo, publicado em abril, que descreve o ensaio Solidariedade:

Leia mais: Marco Aurélio e o caso André do Rap: como a lei (e a mais alta corte do país) pode ser usada para libertar um criminoso considerado perigoso?
Mais notícias
TOPO