Romney defende depoimento de John Bolton no processo de impeachment

O senador Mitt Romney, de Utah, é um dos poucos republicanos a defender abertamente a convocação de testemunhas no processo de impeachment de Donald Trump.

Romney falou hoje com jornalistas sobre o manuscrito do livro de John Bolton, o ex-assessor de Segurança Nacional. Em trechos divulgados pelo jornal The New York Times, Bolton afirma que Trump disse a ele que a ajuda militar para a Ucrânia só seria liberada se o presidente do país, Vladimir Zelensky, anunciasse uma investigação sobre Joe Biden.

“Está cada vez mais claro que é importante ouvir John Bolton”, disse Romney.

Leia a nota de Duda Teixeira na Crusoé:

Impeachment nos EUA: Mitt Romney defende depoimento de John Bolton

A Crusoé não hackeia, mas investiga, apura, prova e publica Saiba mais
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO