Secretário-geral da ONU chama supremacistas brancos de 'ameaça transnacional'

Secretário-geral da ONU chama supremacistas brancos de ameaça transnacional
Foto: Divulgação/ONU/via Agência Brasil

O secretário-geral da ONU, António Guterres, disse nesta segunda-feira (22) que os movimentos neonazistas e de supremacia branca estão virando uma “ameaça transnacional”, e exploraram a pandemia para conquistar apoios. A informação é da Reuters.

Falando ao Conselho de Direitos Humanos, Guterres disse que o perigo dos grupos de ódio cresce a cada dia.

“Os movimentos de supremacia branca e neonazistas são mais do que ameaças de terror domésticas. Estão se tornando uma ameaça transnacional”, disse, ao fórum em Genebra.

Sem citar nomes de países, acrescentou: “Hoje, esses movimentos extremistas representam a ameaça de segurança interna número um em vários países”.

Leia tambémGoverno dos EUA em alerta para ataques de terroristas domésticos

Leia mais: A prisão do deputado Daniel Silveira, que ofendeu ministros do STF num vídeo, é mais um capítulo da avacalhação da democracia brasileira.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO