Suicídio político

Angela Merkel está cometendo suicídio político. Ela disse que não voltará atrás na permissão de acolher um milhão de refugiados da Síria e adjacências na Alemanha.