Três anos de preventiva para ex-presidente do Peru envolvido com a Odebrecht

Telegram

O ex-presidente peruano Pedro Pablo Kuczynski teve a prisão preventiva decretada pela Justiça do Peru, por receber propinas da Odebrecht:

“O Terceiro Tribunal Permanente de Investigação Preparatória Nacional Especializado em Ofensas de Corrupção de Funcionários ordena 36 meses de prisão preventiva para o ex-presidente Pedro Pablo Kuczynski, investigado por lavagem de dinheiro com agravante de pertencer a uma organização criminosa.”

Três anos de preventiva. Onde estão os garantistas do Peru?

Censura à Crusoé: "É perversão da ética do direito" Leia mais

Comentários

  • Almanakut -

    Pega o rumo do outro que já foi para o Inferno.

  • Luis -

    Gilmar não opera lá? E o Toffoli? Talvez o Lewandowski??

  • Nina -

    Por isso o Peru está melhor que o Brasil, onde graça a impunidade.😭

Ler 44 comentários