Twitter e Facebook excluem contas chinesas

Twitter e Facebook anunciaram hoje a exclusão de milhares de contas virtuais falsas atribuídas ao Partido Comunista chinês e usadas para atacar os manifestantes de Hong Kong.

Em uma das postagens, os participantes dos protestos pró-democracia eram comparados ao Estado Islâmico. Em outra, a baratas.

Leia a reportagem de Duda Teixeira na Crusoé:

A China e as ‘baratas’ de Hong Kong

Comentários

  • BrasilSocialista -

    Não adianta a china vai pegar o território de volta pois pertence a ela esses lambe saco de americano liberalista podem espernear dilma tinha que ter feito o mesmo mandado prender os golpistas.

  • Último -

    Parece q deixaram só os agitadores. Nem escondem q servem de instrumento pro governo americano. A mesma coisa na primavera árabe.

  • João -

    AH QUALÉ... conta outra... Facebook apagando conta de PARCEIRO? Nem Twitter que é amiguinho dos árabes eu acredito muito, imagine o Facebook, que é sócio dos comunistas.

Ler 12 comentários