Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

UE acusa AstraZeneca de violar contrato de fornecimento de vacinas

UE acusa AstraZeneca de violar contrato de fornecimento de vacinas
Foto: Capri23auto/Pixabay

A União Europeia acusou a AstraZeneca por “violação flagrante” do contrato para o fornecimento de vacinas contra a Covid.

O bloco e o laboratório travam um embate em torno do atraso na entrega dos imunizantes. Nesta quarta-feira (26), os advogados das duas partes tiveram um audiência com um juiz no tribunal de primeira instância de Bruxelas.

A AstraZeneca entregou no primeiro trimestre apenas 30 milhões de doses das 120 milhões que estava obrigada a fornecer. A projeção para o segundo trimestre era de 180 milhões de doses, mas só 70 milhões devem ser entregues.

Os 27 países membros do bloco exigem receber as doses prometidas para o primeiro trimestre de 2021. A UE afirma que o laboratório deve pagar multas por não cumprir o calendário.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO