Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Ultrajante, sem precedentes e incorreto"

“Ultrajante, sem precedentes e incorreto”
Foto: Reprodução/Instagram/Joe Biden

Donald Trump, como noticiamos, quer que a Suprema Corte americana interrompa a contagem dos votos.

A campanha de Joe Biden reagiu.

O coordenador da campanha democrata, Jen O’Malley Dillon, disse em nota que a apuração não irá parar.

“Ultrajante, sem precedentes e incorreto.”

E mais:

“É incorreto porque não vai acontecer. A contagem não vai parar. Irá continuar até que todo voto registrado seja contado. Porque é o que nossas leis — as leis que protegem o direito constitucional de todo americano votar — requerem.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....