Aeronáutica quer duas novas estatais

O comandante da Aeronáutica, brigadeiro Nivaldo Rossato, defendeu ontem a criação de duas novas estatais, noticia o Estadão: uma delas assumiria parte do controle de tráfego aéreo no país e a outra seria destinada ao desenvolvimento de projetos na área de tecnologia.

Ele deve estar brincando.