Até a Opep já fez sua parte

O acordo entre os membros da Opep para cortar a produção levará o preço do petróleo de volta à casa dos US$ 50 a US$ 60 por barril. A estimativa é da Pira Energy Group, uma conceituada consultoria do setor.

A manutenção de preços mais altos pode ajudar a recompor o caixa da Petrobras, caso adote uma política de preços que acompanhe a flutuação internacional, como o pregado pelos analistas. A Opep já fez a parte dela. E a estatal, quando começa?