Brasil contra a cortina de ferro americana

O Brasil vai questionar, na OMC, as sobretaxas aplicadas pelos EUA aos produtos siderúrgicos da CSN e da Usiminas.

Os americanos alegam que sete programas do governo brasileiro são, na verdade, subsídios indiretos e, portanto, concorrência desleal. Já José Serra, do Itamaraty, diz que os programas são “perfeitamente normais e adotados em todo o mundo.”

Faça o primeiro comentário