Déficit cai nos EUA

Às vésperas da eleição para a Casa Branca, os Estados Unidos emitiram outro sinal de recuperação econômica. Em setembro, o déficit comercial recuou 10% sobre agosto, e somou US$ 36,44 bilhões. É o menor prejuízo comercial do país desde fevereiro de 2015.

Segundo a Dow Jones, a redução do déficit foi sustentada pelo aumento das exportações e pela queda das importações. No acumulado de nove meses, o déficit americano está 2,5% menor que o do mesmo período do ano passado.

Faça o primeiro comentário