“Isso é problema dele”

Ao entrevistar Rodrigo Maia, o Valor lembrou que Meirelles não descarta aumentar impostos se o governo achar necessário.

Eis a resposta do presidente da Câmara:

“Isso é problema dele. Aqui, se for por projeto de lei ou PEC [proposta de emenda à Constituição] não vai passar. Ele tem que saber a verdade. Esse é um tema em que sou radicalmente contra. Tenho constrangimento de pautar. Minha presidência acaba em 1º de fevereiro [de 2017]. Não sei se ele arranja um outro presidente que acredite que endividar mais a família e as empresas seja o caminho. Eu acho que não é.”

Faça o primeiro comentário