Mais um ouro para o Brasil

O Brasil foi o país da América Latina com o maior número de empresas rebaixadas pela Fitch no ano passado. Foram 56, de um total de 77 companhias da região que sofreram corte na nota de risco.

Em comum, as empresas latino-americanas sofreram com a queda do caixa, baixos preços das commodities, desvalorização de moedas e crédito mais difícil. No caso do Brasil, acrescente-se a tudo isso a recessão deixada por Dilma.

Faça o primeiro comentário