O rombo de julho

O governo anunciará, no fim deste mês, que as contas de julho fecharam com um negativo entre R$ 16 bilhões e R$ 18 bilhões – mais do que o dobro de junho –, informa Míriam Leitão, em O Globo.

Por mais esse motivo, “o ideal seria que tivesse sido aprovado o congelamento do salário dos servidores”.

Faça o primeiro comentário