OI: O SILÊNCIO DE TEMER SOBRE TANURE

Não é segredo que Nelson Tanure tem espalhado, aos quatro ventos, que conta com o apoio de Michel Temer para assumir a Oi, protagonista da maior recuperação judicial da história. Para os credores, contudo, não é isso que preocupa.

O que causa espanto mesmo é que, até o momento, Tanure não tenha sido desmentido, com todas as letras, por Temer.

Sem o desmentido, o mercado interpreta que Temer vai induzir, explicitamente ou não, os bancos públicos a votarem a favor do plano proposto por Tanure, o que será determinante para sua aprovação.

O problema é que não se trata de salvar uma das maiores operadoras do país, mas de levar o BNDES, Caixa e Banco do Brasil a reconhecerem um prejuízo bilionário.

“Quem cala consente”, afirma um credor. “Temer deveria esclarecer de que lado está.”

Faça o primeiro comentário