R$ 29 bilhões em jogo

Os senadores que apoiam a regulamentação dos jogos de azar têm um argumento e tanto para atrair votos governistas: nos primeiros três anos, o setor poderia render R$ 29 bilhões em impostos.

O cálculo é de Bezerra Coelho, relator do projeto na Comissão Especial do Desenvolvimento Nacional do Senado. A comissão se reunirá na próxima quarta apenas para tratar do assunto.