TCU bloqueia R$ 2,1 bi da OAS e Odebrecht

A OAS e a Odebrecht terão até R$ 2,1 bilhões em bens bloqueados,para indenizar a Petrobras pelo superfaturamento das obras da Refina Abreu e Lima, em Pernambuco.

A decisão foi tomada hoje pelo TCU. É a primeira vez que esse Tribunal congela bens de empresas pegas pela Lava Jato.

Faça o primeiro comentário