Venezuela, não

As exportações brasileiras para a Venezuela, no acumulado de janeiro a julho em relação ao mesmo período de 2015, despencaram 63%.

“Os empresários não querem arriscar vender para lá porque não têm confiança de que vão receber”, disse ao Estadão Carlos Eduardo Abijaodi, diretor de desenvolvimento industrial da CNI.