Venezuela: um perigo até no ar

A Avianca suspendeu todos os voos para Caracas, na Venezuela. O motivo: ontem à noite, um ou dois jatos militares (há controvérsias sobre o número) se aproximaram perigosamente de um Boeing 787 da companhia, fazendo soar o alarme de colisão.

Faça o primeiro comentário