Xô, impostos

O Congresso deve votar, na próxima quarta-feira, a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2017.

A intenção do relator na Comissão Mista de Orçamento, senador Wellington Fagundes, é impedir que o governo inclua, na previsão de receitas, aquelas oriundas de tributos ainda em discussão pelos parlamentares.

Um recado claro de que os congressistas não querem colocar a CPMF na conversa.

Faça o primeiro comentário