Exclusivo: Em email, Kalil diz que Itautec e Telefônica são parceiros estratégicos

O Antagonista revelou ontem que Kalil Bittar e Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha, eram tratados como donos do Grupo Gol, que formalmente pertence a Jonas Suassuna – o dono formal do sítio de Atibaia.

Na coletânea de emails inéditos, entregues à Lava Jato pelo ex-diretor da Gol Marco Aurélio Vitale, há uma mensagem de Kalil para o ex-ministro Walfrido do Mares Guia, dono do grupo Kroton, com cópia para Lulinha.

O sócio de Lulinha tenta emplacar a “Nuvem de Livros”, da Editora Gol, na rede Kroton, e diz que tem parcerias estratégicas com a Itautec e a Telefônica.

Você tem 1 semana para conhecer a estratégia de um político para retomar o poder em Brasília. Leia aqui

Kalil trata Walfrido como “ministro”, diz que foi um prazer reencontrá-lo e tenta convencê-lo a “conhecer essa solução de Biblioteca em Nuvens pela inovação e possibilidade de estruturarmos algo que pode gerar uma escala enorme”.

Vitale denunciou à Lava Jato que a Telefônica/Vivo firmou a parceria após pedido de Lula e repassou ao Grupo Gol, por meio da Movile, ao menos R$ 40 milhões.

Até bem pouco tempo atrás, Lula ainda usava o jatinho de Walfrido para cruzar o país.

Comentários

  • Marcelo -

    Gnaha um doce que souber qQuantas faculdades de medicina esse grupo Kroton foi autorizado a abrir no pais??

  • duarte -

    mais uma prova da corrupção

  • Paula -

    Como um sujeito que trabalhou uma década com os envolvdiodos pode ter credibilidade para vocês ? Acho que se tudo for verdade o dedo duro deve ser preso também porque uma delação sem motivo é no mínimo estranha . Aliás não era só Marco Vitale que era Diretor da empresa , a Irma dele Claudia Vitale era quem contratava os funcionários , sobrinho dele fazia estágio , entre outros parentes da família Vitale . Acho que se tudo for verdade o Diretor Marco Vitale esqueceu de dizer que ele fez parte disso tudo e toda família dele . Ele se sabe muito é porque era um dos cabeças e não existe justificativa se toda família era empregada lá e após a entrada dele . Se ele é contra tudo isso porque empregou toda família lá ? Usou nosso dinheiro também e deve estar brigando com os sócios do filho . Acords

Ler 31 comentários