Leia a íntegra da decisão que prorrogou as prisões da Operação Spoofing

Na íntegra em que prorrogou as prisões dos quatro acusados de hackear autoridades –detidos pela Operação Spoofing, da PF–, o juiz Vallisney de Oliveira fundamentou a necessidade de estendê-las por mais cinco dias.

“Soltos”, escreveu Vallisney, “os investigados poderão agir e combinar e praticar condutas, isoladamente e em conjunto, visando apagar provas em outros endereços, mudar senhas de contas virtuais, fazer contatos com outras pessoas eventualmente envolvidas, retirar valores de contas desconhecidas ou de algum modo prejudicar o inquérito policial, que depende ainda de um trabalho técnico pericial que demandará mais alguns dias para ser concluído.”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra da decisão do juiz.

Comentários

  • RUY -

    MD bandida, Lula bandido, JD , PT, PC DO B, PSOL, o país tá infestado.

  • THALLES -

    Tem que transformar em preventiva, não há como fazer todas as investigações em poucos dias. É um trabalho minucioso, requer capacidade técnica. Não pode perder essa oportunidade.

  • lidia -

    E A ALHAMA CUSPEDEIRA ESTA QUIETA? ONTEM ESTAVA GUSPINDO OFENÇAS

Ler 4 comentários