Diogo Mainardi + Mario Sabino, os antagonistas

— O ex-redator-chefe da Veja Mario Sabino e o ex-colunista da Veja Diogo Mainardi se juntam para fazer O Antagonista… Que tal?

— Em matéria de ex, só falta a Ivana Trump.

— Será que nossos leitores sabem quem é a Ivana Trump?

— Duvido.

— Dois fantasmas do jornalismo impresso tentam assombrar o jornalismo online… É melhor assim?

— Parece a trama de um desenho do Scooby Doo.

— Será que nossos leitores sabem quem é o Scooby Doo?

— Todo o mundo conhece o Scooby Doo.

— O antagonista é aquele que amola o protagonista. Nosso jornal pretende amolar os protagonistas da política, da economia, da cultura… É mais ou menos isso, não é?

— O antagonista, nas melhores histórias, tenta eliminar o protagonista. Prefiro eliminar a amolar.

— Acho que seremos eliminados antes. Não seria melhor só amolar? Quem vai patrocinar gente como nós?

— Você só pensa em dinheiro. Vamos fazer o jornal, depois arrumamos patrocinadores. O Antagonista nasceu porque tivemos uma pequena ideia.

— Uma média ideia.

— A internet tem tudo, mas precisa de um bom editor capaz de pautar, cortar, expurgar e copidescar. Concordo: é mais do que uma pequena ideia, é um caminho.

— Assim fico sentimental como um ex-tupamaro: “Caminante, no hay camino; se hace camino al andar”…

— Tupamaro? Somos de direita.

— Somos? Tinha esquecido, não podemos frustrar nossos leitores.

— Ao lado de cada matéria, sempre entrarão as melhores sacadas de quem nos acompanha.

— Nada de deixá-los só lá atrás, nas caixas de comentários.

— Lá atrás e lá embaixo.

— Vamos colocá-los em igualdade com jornalistas famosos cujas opiniões também entrarão na mesma área.

— Se a gente gostar do que esses jornalistas disseram a respeito do assunto.

— Mas, se não gostarmos, poderemos comentar a opinião do sujeito.

— Temos o direito constitucional…

— …de escarnecer, …

— …de ridicularizar,…

— …de esclarecer,…

— … de cultivar inimigos…

— …e influenciar pessoas.

— E se não der certo essa história de por comentários lá na frente?

— Cancelamos. O site é nosso, ora bolas.

— O Antagonista é um conceito novo na internet.

— Boa frase para propaganda.

— Você não entende nada de propaganda: é uma frase surrada.

— Mas faz sentido.

— E quem disse que boa propaganda requer sentido?

— Me perdi: quem está falando agora, o Diogo Mainardi ou o Mario Sabino?

— Tínhamos combinado que isso não importaria. Não assinaremos as matérias, dividiremos a responsabilidade. O protagonista é O Antagonista.

— Quase ia esquecendo: vamos fazer reportagens investigativas.

— Várias.

— Muitas.

— Então dividiremos também os processos. Político, especialmente, odeia reportagem investigativa.

— Será que teremos como pagar as indenizações, se formos condenados?

— Você só pensa em dinheiro.